lifestyle || January 23, 2018

Vitamina D e as crianças

Já tinha falado um bocadinho sobre a Vitamina D neste post.

Hoje falo sobre a importância da Vitamina D no primeiro ano de vida de um bebé.

A principal fonte de Vitamina D vem dos raios solares.

A Vitamina D é importante para a nossa saúde, porque ajuda a construir ossos mais fortes, a manter o coração mais saudável e luta contra as infeções, melhorando o nosso sistema imunitário. Na vida de um adulto, a deficiência de Vitamina D pode estar associada a várias doenças, desde problemas de coração, osteoporose, diabetes, entre outras.

No caso das crianças, as que têm insuficiência de Vitamina D no organismo têm muito maior propensão a apanhar doenças como constipações, gripes, amigdalites, etc do que as que têm os níveis de Vitamina D corretos no corpo.

A partir do momento em que as crianças vão para o infantário, começam a aparecer uma série de doenças – quem tem filhos, sabe lindamente do que falo! As minhas amigas queixam-se imenso que semana sim e a outra também lá ficam em casa alguns dias porque estão constipados ou com outra coisa qualquer. Se os níveis corretos de vitamina D ajudam a reduzir o risco destas doenças, porque não?

Apanhar sol (consciente!) de vez em quando (e somos abençoados com tanto sol durante quase todo o ano!) e fazer suplementação de Vitamina D pode ser uma enorme ajuda na saúde dos nossos filhos. Estas são as recomendações médicas e da Direção Geral da Saúde. Assim como uma alimentação variada e rica em Vitamina D (como o peixe – em especial os que têm mais gordura como o salmão ou a sardinha, ovos, etc)

É impressionante como a Vitamina D influencia a nossa saúde, tinham esta noção? Só agora que me debrucei mais sobre o tema, tenho lido sobre o assunto e assistido a alguns vídeos de especialistas é que tomo realmente consciência da importância para a nossa saúde e, especialmente, para a saúde dos bebés!

Aqui fica uma dica para reporem os níveis de Vitamina D no vosso organismo durante todo o ano, sempre em horas de menos calor e sem proteção solar, para que o protetor não bloqueie a entrada da Vitamina D no nosso corpo:

Verão: 10min ao sol

Primavera e Outono: 20min ao sol

Inverno: 30min ao sol

Curiosidade: quanto mais escura é a pele, mais precisa de tempo de exposição à Vitamina D

Com a quantidade certa de sol no nosso corpo, uma alimentação saudável (e rica em alimentos com Vitamina D) e suplementação adequada, de acordo com as indicações do médico, vamos estar um passo mais perto de uma vida mais saudável. E não é tudo o que mais queremos? 🙂

Instagram @styleitup

Margarida

Hi! I’m Margarida, style and beauty blogger at Style it Up