beauty || January 7, 2020

Peles (im)perfeitas

Nenhuma pele é perfeita, não se deixem iludir pelos filtros do Instagram ou pelo photoshop que é usado muitas vezes sem ser anunciado. Nem as modelos têm uma pele perfeita, apenas as fotos são mais tratadas do que as da comum mortal.

Há peles secas e desidratadas (hello, esta sou eu!), peles com muita sensibilidade, com acne, com manchas (hello, me again!), entre outros problemas. Temos é que encontrar os produtos certos para as necessidades da nossa pele e, para isso (nos casos mais graves), existem os dermatologistas, especializados no tema.

Se o problema não for grave, pode não haver necessidade de consultar um dermatologista, é uma questão de irem experimentando este ou aquele creme e ir vendo os efeitos.

Independentemente do estado atual da vossa pele, é preciso terem alguns cuidados no inverno. O frio resseca a pele e não guardem o protetor solar até ao próximo verão, ok? A nossa apele está exposta a todas as agressões quase 24h por dia, 365 dias por ano: durante o dia, é o sol, o frio e o vento; quando estamos a trabalhar é luz azul dos aparelhos (telemóvel, computador, etc); e, claro, todos os efeitos que o stress tem na nossa pele. Durante a noite, apesar da pele estar a regenerar e a descansar, os vincos da almofada ou algum suor que aconteça durante a noite, obstruindo os poros, também não a deixam estar 100% descansada. Ainda temos as nossas hormonas e este carrossel que é o organismo feminino, a nível hormonal. Todos estes factores fazem com que a nossa pele do rosto praticamente não descanse.

Alguns problemas que temos e, sobre os quais, devemos consultar um dermatologista:

– PELE SENSÍVEL – uma pele que seja hiper-sensível, relativa, com rosácea ou pele atópica não pode usar a grande maioria dos cosméticos. Especialmente nesta altura do ano, ficam ainda mais vulneráveis com as temperaturas baixas. Se este é o vosso caso, antes de gastarem uma fortuna numa nova gama cosmética, consultem o vosso dermatologista, para encontrarem a melhor solução para o vosso caso.

– MANCHAS – se sofrem deste mal (bem-vindas ao clube), tenham este conselho em mente: não vai haver um produto milagroso, o truque é a frequência com que usam os produtos anti-manchas, assim como a proteção solar, durante todo o ano. As manchas são teimosas e é preciso disciplina e persistência.

– ACNE – o drama de muitas que, apesar de ser mais frequente na adolescência, em alguns casos insiste em permanecer. É um processo inflamatório, por vezes hereditário e muitas vezes de proveniência hormonal. Hoje em dia existem muitos tratamentos para acabar com o acne. Como nunca tive, não posso falar do tema na primeira pessoa, mas qualquer dermatologista vos vai ajudar a solucionar o problema, seguramente.

– DESIDRATAÇÃO – com o frio, as nossas células recebem menos oxigénio e nutrientes, fazendo com que aumente a desidratação e a pele fica mais sensível e vulnerável a eventuais feridas. Não podemos confundir a pele seca (tipo de pele) com uma pele desidratada (estado da pele), ok? Qualquer tipo de pele (normal, seca, mista ou oleosa) pode sofrer de desidratação.

INSTAGRAM @styleitup

Margarida

Hi! I’m Margarida, style and beauty blogger at Style it Up