fashion || February 27, 2019

Manutenção da roupa

Quem nunca estragou uma peça de roupa com a lavagem, levante e mão!

Já encolhi, manchei, estraguei os elásticos… muita coisa estragada apenas porque cortava todas as etiquetas da roupa que comprava!

Quando fui viver sozinha, na primeira máquina de roupa que fiz incluí um casaco de malha que eu amava. Quando o tirei da máquina podia vesti-lo a um nenuco… Claro que culpei a máquina! Eu não ía estragar o casaco que eu gostava tanto 😆 independentemente da marca da máquina que temos em casa, se não prestarmos atenção à etiqueta de cada peça de roupa – nem todas podem, sequer, ser lavadas na máquina – a probabilidade de a estragarmos é grande.

Queremos sempre que a nossa roupa dure o máximo tempo, nas melhores condições. Ainda mais se forem peças de boa qualidade e nas quais fizemos um investimento – queremos que dure muito tempo e impecável.

Mas para isso é preciso cuidarmos das peças  – não há milagres! E, claro, saber como cuidar de cada peça – cada tecido tem as suas características!

Bora lá aprender a cuidar melhor da nossa roupa:

Desde que saí de casa dos meus pais e, depois de muitas asneiras com a lavagem da roupa (e passagem a ferro também!!), fui aprendendo a ter mais cuidados. Também à medida que os anos passam, a minha aposta vai cada vez mais para a qualidade das peças em detrimento da quantidade – o que me faz ter ainda mais cuidados com a minha roupa! Custou mais a pagar, vai ter que durar mais tempo e em melhor estado! Não andamos para aqui a deitar dinheiro fora, pois não?

Claro que há determinadas peças que nem arrisco a lavar em casa, vão diretas para a lavandaria – mas até na lavandaria é importante as peças terem essa etiqueta, para não haver surpresas desagradáveis.

Há algumas marcas que têm esta informação em folhetos e podemos trazer para casa, ou imprimam esta imagem e colem no roupeiro. Vai dar jeito 🙂

Mais algumas dicas que vale a pena saber:

– Os tecidos mais delicados, lave sempre à mão;

– Não misture roupas claras e escuras na mesma máquina;

– Lave a roupa interior à mão ou coloque dentro de saquinhos protetores (a H&M tinha estes saquinhos, assim como a Oysho também deve ter…). Se não tiver esses sacos protetores, use uma fronha de almofada 🙂

– Não abuse no amaciador da roupa, que pode danificar as fibras;

– A roupa ao sol seca muito mais rapidamente, mas cuidado que pode queimar os tecidos e alterar a cor das peças;

– A roupa escura (ou de cores vivas), lave do avesso para não ir perdendo a cor com as lavagens;

– Devemos passar a roupa a ferro, mas cuidado com as altas temperaturas do ferro (da mesma forma que o secador de cabelo a altas temperaturas danifica o nosso cabelo, o ferro bem quente também danifica os fios dos tecidos);

– As peças de algodão ou linho – que amarrotam mais – passe a ferro (numa temperatura baixa) quando a peça não está ainda completamente seca, para ser mais fácil tirar os vincos.

Posts relacionados e que vale imenso a pena ler:

O que vestimos? Entender a composição de cada tecido

Saber interpretar a etiqueta de composição de uma peça de roupa

A imagem de capa deste post é do Pinterest e a outra adaptei de várias que encontrei na net.

INSTAGRAM @styleitup

Margarida

Hi! I’m Margarida, style and beauty blogger at Style it Up